Arquivo do mês: outubro 2015

Flobé, o mané

E subitamente, Gustave se viu cercado por demônios.  Tivera uma boa razão de viver, trabalhara a vida toda por uma causa justa. Melhor dizendo, por uma palavra justa. Fizera jus à existência abonada, justo nisso: fazendo justiça às ideias, cada … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário