.Esse cara sou eu:

Sergio na Feira de Passo FUndo

Escritor. Jornalista desde 1983, formado pela Escola de Comunicação da UFRJ, é especialista em Relações Internacionais pela UnB, desde 2004. Bacharel em Artes Plásticas, pela UnB, desde 2012.

Foi, até julho de 2015, colunista no jornal Valor, onde trabalhou como repórter especial, entre 2000 e maio de 2013. Teve matérias e artigos reproduzidos no jornal El Cronista, de Buenos Aires, Argentina. Faz eventuais participações no programa da Facultad de Ciências Económicas da Rádio UbA, da Universidade de Buenos Aires e no programa En Perspectiva, de Emiliano Cotelo, na rádio Excelsior, de Montevidéu, Uruguai.

Foi redator, em 1983, da revista Ciência Hoje (da Sociedade Brasileira de Proteção à Ciência- SBPC), repórter (com funções de diretor interino de sucursal) na Istoé (1991-92) e diretor de sucursal na IstoÉ Dinheiro (1999-2001). Fez artigos na revista argentina Notícias (1991). Foi repórter especial no Jornal do Brasil (1985-1988), na Folha (1989-1992), no Globo (19932-1994), e na TV Globo (1996-1997). Coordenador de Economia no JB (1994-1996). Editor regional da sucursal Brasília no Estadão (1997-1999).euclintonfhcAcompanhou, como repórter, viagens internacionais dos presidentes Sarney, Collor, FHC, Lula e Dilma Rousseff.

Participou da cobertura da Conferência ONU para o Desenvolvimento e Meio Ambiente, no Rio (Eco-92) e da cúpula para o Desenvolvimento Sustentável, em Joanesburgo, e da Rio+20, em 2012. Cobriu reuniões de cúpula do Mercosul e das negociações da Alca, reuniões do FMI e Banco Mundial, em Washington, Madri e Hong Kong; os encontros anuais do BID em Fortaleza, Milão e Peru; da OMC em Seattle, em 1999, Cancun, em 2003, e Hong Kong, em 2005, e as duas primeiras versões do Fórum Social Mundial, em Porto Alegre. A acompanhou as reuniões de cúpula dos Brics em 2010, 2011, 2012, 2013 e 2014.sergionosenegal

Convidado como Media Leader,  participou do Fórum Econômico Mundial – América Latina, no Chile, em 2007, no México, em 2008, e no Rio, em 2011; e do Fórum Econômico Mundial em Davos, em 2010, 2011 e 2013. Em 2015, foi convidado a participar, na Colômbia, do “Diálogo de Cartagena”, do Instituto Internacional para Estudos Estratégicos (IISS).

A convite do USAID, participou do programa para jornalistas, com visitas a autoridades dos EUA e executivos, em Washington, Houston, San Francisco e outras cidades, em 1998. Participou de programas semelhantes promovidos pela comissão da União Européia e governos de Canadá, Índia, Cingapura, Espanha, Austrália e Nova Zelândia. Em 2010, palestrou, também a convite, no V Congresso Iberoamericano de Nuevo Periodismo, promovido em Comillas, Espanha, pela Fundación Nuevo Periodismo, fundada por Gabriel García Marquez.

euelulaCoordenou, entre 2002 e 2004, o Curso de Jornalismo Econômico da Universidade de Brasília, onde foi professor da disciplina “Política Comercial”. Em 2004, foi também professor de Jornalismo Opinativo, na faculdade de Comunicação do Uniceub. A convite da Fundação Alexandre Gusmão, participou, como palestrante, dos cursos para formação de diplomatas da América Latina e do Caribe, e da América do Sul, em 2013. Em 2014, foi palestrante do curso para formação de diplomatas da África. Entre 2010 e 2015, deu palestras em seminários e  cursos no Instituto Rio Branco, de formação de diplomatas e outros eventos de política externa, comércio e economia brasileira. Sua participação como convidado em mesa redonda sobre os Brics promovida pela Funag está publicada no livro “Debatendo o BRICS”,  organização José Vicente Pimentel, Funag, 2013.

Em 2014, foi condecorado, com o grau de oficial, pela Ordem do Rio Branco.

Foi palestrante no 5º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo, promovido pela Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), em 2010, em São Paulo, e do 9º Congresso de Jornalismo Investigativo, da Abraji, em 2014. Foi um dos fundadores e primeiros diretores da Abraji.

Escritor, ganhou o Prêmio Sesc de Literatura 2008 com o livro de contos “Mentiras do Rio”, Editora Record. Em 2014, publicou o livro “Ascensão e Queda do Império X”, sobre o fracasso do grupo econômico criado pelo empresário brasileiro Eike Batista, que chegou a ser o oitavo homem mais rico do mundo. Em 2014 publicou como e-book o conto “Segundas Pessoas”, pela editora e-galaxia. Tem contos publicados em revistas como a Pessoa e a Flaubert, e coletâneas, como o livro “Conversa de Botequim”, da editora Mórula, com contos baseados em músicas de Noel Rosa, e “Desassossego”, organizado por Luiz Ruffatto para a editora Mombak. Em 2014, foi um dos 12 contistas convidados para o projeto Rio: Passagens, de publicação de contos sobre bairros do Rio de Janeiro, em comemoração aos 450 anos de fundação da cidade.seumueseu2

Como artista plástico, participou de coletivas no Espaço Piloto, da UnB e das coletivas “Diálogos da Resistência” e “SeuMuSeu Expoexperimento,no Museu da República, em Brasília. Também participou da convocatória de mail art, do 2º  Congresso Virtual: La forma, da Universidad Nacional de Tucuman.

Vive entre São Paulo, onde trabalha em comunicação corporativa (na Febraban, que não tem nenhuma relação com esse site e os textos aqui publicados), e Brasília, onde plantou um ipê, uma canela de ema, quatro coqueiros, um pé de café, uma goiabeira, uma mangueira, um pé de siriguela, dois pés de lichia (que nunca deram fruto), quatro bananeiras, dois pés de amora e dois de pitanga e dois de baru, além de outras árvores do cerrado e alguns arbustos decorativos.

amor1

contato: sergioleo.valor arroba gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s